Ana Cecília foi bronze nos 100m e prata nos 200m e revezamento 4x100m, no Peru

A atleta Ana Cecília Correia de Oliveira da Associação Bauruense de Desportes Aquáticos (ABDA) encerrou sua participação pela Seleção Brasileira no Campeonato Sul-Americano Sub-20 de atletismo na pista do Estádio de la Videna, em Lima, no Peru, com um total de três medalhas.

Na sexta-feira, a atleta conquistou a medalha de bronze na prova dos 100 metros, com tempo de 12seg07. No sábado, conquistou medalha de prata nos 200 metros, com tempo de 24seg88, e ainda faturou outra prata no revezamento 4×100 metros, com o time brasileiro.

Ana Cecília (esq.) foi prata nos 200m, prova vencida pela brasileira Érica Cavalheiro

Ana Cecília (esq.) foi prata nos 200m, prova vencida pela brasileira Érica Cavalheiro

O Brasil manteve a hegemonia no Sul-Americano Sub-20 de Atletismo, conquistando o primeiro lugar na classificação geral (417 pontos), no masculino (198) e no feminino (219). A Colômbia terminou em segundo lugar na classificação geral, com 233 pontos, seguida da Argentina, com 188.

Na contagem final, a equipe brasileira conseguiu 40 medalhas, sendo 17 de ouro, 11 de prata e 12 de bronze. A competição foi realizada cumprindo protocolos de prevenção à pandemia da covid-19.

Ana Cecília foi convocada pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), após conquistar medalha de ouro nos 100 metros e medalha de prata nos 200 metros, no último Campeonato Brasileiro Sub-20.

Ana Cecília com o time brasileiro do revezamento Alana Amorim, Tainara Mees e Suellen Sant’Anna

Ana Cecília com Wlamir Motta (presidente da CBAt) e colegas do revezamento, Alana Amorim, Tainara Mees e Suellen Sant’Anna

“Estou muito feliz com a competição, aprendi muito e realizei mais um sonho. Agora é voltar para o Brasil, treinar mais e mais para tentarmos fazer o índice do Mundial e do Pan”, planeja Ana Cecília.

!Ela teve uma ótima participação no Sul-Americano, trazendo três medalhas para o Brasil. Vamos aguardar o retorno da atleta e focar na preparação para as próximas competições do segundo semestre”, afirmou Maurício Birelo, técnico de Ana Cecília na ABDA.

 

destacada_anacecilia_sula