Atletas nascidos em 2008 participam do importante torneio internacional que forma a base do polo aquático

A equipe sub-11 da Associação Bauruense de Desportes Aquáticos (ABDA) embarca nesta sexta-feira (14/6) para a Itália, onde participa do maior campeonato infantil de polo aquático do mundo, o Festival Internacional Habawaba, em Lignano Sabbiadoro.

Os jogos da competição serão disputados entre os dias 15 e 23 de junho. A ABDA compete no festival italiano desde 2011. Este ano, serão 112 times na categoria na qual a equipe da ABDA participa, que é a Under11. “Na nossa chave, são 7 times incluindo o campeão da última edição, AQVION”, contou a técnica Carolina Lioni, que acompanhará os 14 atletas da ABDA juntamente com Janaina Parra Grossi e Gabriela Sanches.

Em 2018, a equipe U09 da ABDA foi campeã da segunda divisão, com as crianças 2009. “O nosso time deste ano é composto por crianças 2008. Somente 3 estavam no time U09 do ano passado. Porém, temos atletas que já estão indo pela segunda ou terceira vez ao festival”, explica Carolina.

A melhor colocação da ABDA no Festival Habawaba ocorreu no ano de 2014, quando participou com atletas nascidos em 2003, disputou as quartas de finais e se classificou em 5º lugar dentre 120 equipes. “Era um time bem experiente, onde a maioria já jogava campeonato há 2 ou 3 anos. Tínhamos um time bem completo com um bom goleiro, um canhoto e tínhamos o Duzinho”, relembra a técnica ao citar um dos grandes nomes da ABDA na atualidade, o atleta Eduardo Cintra.

Exemplo de sucesso – Eduardo Cintra, o Duzinho, atleta lembrado por Carolina, é um exemplo da importância do Festival Habawaba como início de carreira dentro do polo aquático. O atleta de apenas 16 anos, tem tanto destaque que atua nos times sub-16, sub-18, sub-20 e também na equipe adulta de polo aquático da ABDA. No último fim de semana, jogou a final da Copa São Paulo Sub-16, sagrando-se campeão e, na sequência, voltou à piscina com o time adulto para um jogo válido pelo Campeonato Paulista.

Além de Duzinho, são vários os atletas da ABDA, de times masculinos e femininos, que participaram do Festival Habawaba e, hoje, são campeões estaduais brasileiros, sul-americanos.

De 2014 para cá, a ABDA conseguiu sempre se classifica entre os 32 primeiros do festival, sempre na primeira divisão. A direção da ABDA avalia que participar logo de início de um campeonato forte serve de aprendizado e motivação para os novos atletas. Entre as crianças, existe até uma expectativa e empenho nos treinos para fazerem parte deste time que vai para a Itália todos os anos.

destacada