Thiago de Souza Esquerdo, Wellington Silva e Rodolfo Rodrigues Prado estão focados para subirem ao pódio na fase regional

No próximo final de semana, os atletas da Associação Bauruense de Desportes Aquáticos (ABDA) Tiago de Souza Esquerdo, Wellington da Silva Antônio e Rodolfo Rodrigues Prado disputarão no Centro Paralímpico Brasileiro a fase  Regional SP do Circuito Brasil Loterias Caixa  de Atletismo Paralímpico.

A competição será seletiva para a fase Nacional do Circuito Brasil Caixa de Atletismo Paralímpico, que será realizada em maio. A equipe de atletismo da ABDA vai participar da fase regional da competição com 3 atletas e 1 guia.

Tiago de Souza Esquerdo, da classe T11, disputará as provas de 800 metros, 1500 metros e 5000 metros, tendo como atleta guia Paulo Roberto de Carvalho. “Minhas expectativas são as melhores, estou muito feliz e confiante, com a intenção de pegar índice e classificar para a etapa nacional”, declara Tiago Esquerdo.

Wellington da Silva Antônio, classes T20 e F20, disputará as provas 400 metros, 800 metros e  salto em distância. “Vou entrar focado para conseguir minha melhor marca e garantir um índice em breve. Espero contar com uma grande torcida”, afirma Wellington.

Rodolfo Henrique Rodrigues Prado, classes T20 e F20, atleta que conquistou medalhas de ouro nos 1000 metros e salto em distância nos Jogos Escolares Paralímpicos no ano passado, disputará as provas de 400 metros, 800 metros e salto em distância. “Minha expectativa é classificar para o nacional e para o mundial de jovens que vai acontecer na França”, conta Rodolfo Henrique.

O Circuito Loterias Caixa é organizado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro e patrocinado pelas Loterias Caixa. É o mais importante evento paralímpico nacional de atletismo, natação e halterofilismo.

Composto por quatro fases regionais e duas nacionais, a competição tem como objetivo desenvolver práticas desportivas em todos os municípios e Estados brasileiros, além de melhorar o nível técnico das modalidades e dar oportunidades para atletas de elite e novos valores do esporte paralímpico do país.

Thiago de Souza Esquerdo, Wellington Silva e Rodolfo Rodrigues Prado1