Além de finais e melhores marcas pessoais, atleta ficou a 0.65 do índice parapan nos 50m livre S6 feminino

A natação paralímpica da Associação Bauruense de Desportes Aquáticos (ABDA) participou do Open Internacional Loterias Caixa de Paranatação, entre os dias 25 e 27 de abril, no Centro de Treinamento Paralímpico Brasileiro, em São Paulo.

A competição contou com a participação de mais de 600 atletas de 18 países inscritos. Além da natação, foram realizadas competições de atletismo. A natação paralímpica da ABDA participou com 8 atletas: Ana Laura Vieira, Glauciene Ribeiro, Matheus Andrade, Matheus Ribeiro, Victor Morcelli, Willian Santana, Welison Damasceno e Vrajamany Rocha.

Para a técnica Rayssa Cappelin, as metas foram alcançadas. “Pegamos 3 finais B e ficamos como reserva de final B em 4 provas. Três atletas fizeram suas melhores marcas e dois nadaram próximos ao melhor tempo. Além disso, ficamos a 0.65 do índice parapan nos 50m livre S6 feminino”, resumiu a treinadora.

Para a treinadora chegar até a final B com tantos medalhistas paralímpicos participando do evento foi uma grande vitória. “Foi o OPEN WORLD SÉRIES mais forte desde 2014, pois na competição os atletas poderiam fazer o índice para os parapanamericanos de Lima, em 2019, e também para o Mundial de Londres”, acrescentou Rayssa.

A técnica da equipe de natação paralímpica da ABDA destacou a desempenho dos atletas Glauciene Ribeiro e Matheus Ribeiro que chegaram as finais Multiclasse, por ITC (indice técnico da competição).

 

Na foto, técnico José Guilherme Cavalieri, atletas Ana Laura, Matheus Ribeiro, Glauciene Ribeiro, Matheus Andrade e técnica Rayssa Cappelin

destacada1